Fragmentado

Por Ricardo Brandes

Após Sexto sentido, A vila, Dama na água, Sinais, Corpo Fechado, entre outros, Fragmentado surge como novo filme do diretor M. Night Shyamalan, atingindo grande sucesso de público e crítica em todo o mundo. E no Brasil, não foi diferente.

O filme traz um thriller psicológico repleto de tensão, com a história de Kevin (Em uma atuação brilhante de James McAvoy, digna de um Oscar), que sofre de transtorno de múltiplas personalidades. 23, pra ser exato. (Achou muito? Não queira saber da 24ª personalidade de Kevin!). Para dar veracidade a história, o diretor se baseou em casos reais para compor seu personagem, fazendo extensas pesquisas com psicólogos e especialistas da área. E no fim de todo este trabalho, surge um filme com todos os elementos clássicos de M. Night Shyamalan.

O mote do filme gira em torno do sequestro de três adolescentes, que terão que lidar com as múltiplas personalidades do transtornado Kevin, para tentar escapar de seu cativeiro, conhecendo suas várias facetas. Entre as três, destaca-se a atuação de Anya Taylor-Joy (de A Bruxa), uma jovem atriz em ascensão, que também merece elogios.

Ah, cabe lembrar que Bruce Willis (Corpo fechado) também está em Fragmentado, mas aparece somente para trazer uma charada aos espectadores. Fato comum nos filmes do diretor M. Night Shyamalan , as surpresas finais em seus filmes acabam despertando a atenção dos espectadores, e em Fragmentado não seria diferente.

Se você ficar em dúvida, curioso com o final (sem spoilers! O próprio diretor fez o anúncio, em sua visita recente ao Brasil), saiba que Fragmentado fará parte de uma trilogia, iniciada com Corpo fechado, e que terminará com o próximo filme. O que virá na sequencia? Assista Corpo fechado, Fragmentado, e aguarde o capítulo final de mais um genial trabalho do diretor que adora surpreender (e provocar) seus fãs!